1 de agosto de 2013

a saga do vestido - primeiro ato

Lá em setembro do ano passado, quando nós nos casamos no civil (lembram?) os pais e a irmã do Jared vieram para acompanhar a cerimônia. Um dia antes do casamento, eu e as minhas futuras sogra e cunhada resolvemos sair para olhar vestidos de noiva. 

A Kristin também já estava com casamento marcado para esse ano e apesar de ser super cedo para procurarmos vestidos, achamos que seria divertido. E foi! Experimentamos vários vestidos juntas, até o mesmo modelo, ao mesmo tempo, de brincadeira. 

Eu lembro que naquele dia, o único vestido que eu gostei foi um modelo da designer Vera Wang. Lindo. Lindo. No entanto, eu estava longe de pensar que aquele seria mesmo o meu vestido. A minha futura sogra foi embora oficialmente sogra e me deixou com uma lista de lojas de noivas em Las Vegas. Sim, ela é demais. Anda sempre cinco passos na minha frente e eu juro que eu adoro. Ela facilita horrores a minha vida.

Em novembro, a atendente da loja que a gente foi, David's Bridal, ligou sabendo se eu queria marcar um horário para uma segunda visita. Resolvi ir e levei comigo a minha amiga Deise. Não sei se já falei pra vocês da Deise. Ela é uma daquelas coincidências boas da vida, sabe a prima do marido de uma colega de trabalho da  minha mãe? 

A única coisa que sabíamos uma da outra, era que morávamos em Las Vegas e gostávamos de tomar chimarrão. Precisa mais? Viramos amigas antes da água da térmica acabar. Na ocasião, experimentei outros 7 ou 8 vestidos e saí da loja do mesmo jeito que entrei: com o preferido da Vera Wang na cabeça.

A vida foi passando e eu resolvi que só ia voltar a procurar vestidos em abril desse ano. Determinei nos meus planos perfeitos que em maio eu teria um escolhido. Fui em outra loja de cadeia nacional, chamada Alfred Angelo e achei que lá estava o "the one". Dessa vez fui sozinha e saí de lá com aquela sensação de mais ou menos. Nada pulava, nada gritava.

No mês que se passou, eu voltei nessas duas lojas mais duas vezes e o vestido da Vera continuava no topo da lista. No entanto, eu não conseguia dizer o sim. Minha gente, tão mais difícil dizer sim para o vestido do que dizer sim para o noivo. 

Aí me ocorreu que, de repente, o meu vestido estava escondido numa lojinha despretensiosa em um bairro qualquer na cidade capital mundial dos casamentos. Se eu não achasse um vestido de noiva em Las Vegas, eu não ia achar em lugar nenhum. Então me lembrei da lista da sogra e revirei a cidade atrás de um vestido. 

Liguei para todas as lojas, inspecionei os sites e marquei hora para encontrar o meu vestido ideal. Foi uma decepção atrás da outra e quanto menos eu achava um vestido que eu gostasse, que não me deixasse com cara de Barbie, de múmia ou parecendo um merenguinho da feira, mais eu pensava na minha amiga Vera.  

Então, o pior aconteceu. Primeiro, entrei numa das lojinhas da lista da sogra e dei de cara com uma cópia barata do meu vestido preferido, o vestido da Vera, desfigurado em um terrível manequim de veludo azul. Diante da minha cara incrédula, a dona da loja disse que ele tinha chegado naquela semana. É lindo, eu disse disfarçadamente.

Olhei a etiqueta e dizia U$1300. Made in China. Pasmem, 100 dólares mais caro que o vestido original. Tasquei uma foto, apesar da expressão contrariada da proprietária. Experimentei um outro vestido para disfarçar e fui embora para nunca mais voltar.

Na semana seguinte, a essas alturas já começo de junho, recebi um e-mail da David's Bridal dizendo que a coleção White da Vera Wang estava em promoção. Na mesma hora liguei perguntando se o modelo que eu queria estava incluído. Olhando para o site, eu falei o número do modelo para atendente, que também tinha esse número anotado na minha ficha, e ela disse sim, esse vestido está $400 off.

Se eu precisava de um incentivo para comprar de uma vez o tal do vestido, 400 dólares era um excelente empurrão. O problema era que só estavam na promoção os vestidos do mostruário, mas eles tinham o meu número na David's Bridal em Henderson (30 minutos de Las Vegas) e poderiam marcar um horário para eu ir ver o vestido naquele mesmo dia. 

Passei mão no cartão de crédito do marido e, determinada, resolvi ir comprar o vestido da Vera e acabar com essa palhaçada. Cheguei lá esbaforida e me apresentei para atendente que me pediu para esperar um pouquinho. Naquele pouquinho, meu nível de determinação também diminuiu um pouquinho. 

Ela voltou com o vestido que estava separado para mim. Eu olhei para ela e disse: esse não é o meu vestido. Ela pediu para esperar outro pouquinho. Esse pouquinho, virou mais outro pouquinho. E a pouquinha paciência que Deus me deu, estava ficando cada vez mais insuficiente e pouquinha.

Até que ela voltou com o vestido certo e disse que infelizmente esse determinado modelo da coleção White não estava na promoção. O meu coração não quebrou porque o vestido não estava $400 dólares mais barato e, sim, pela explicação que veio depois. "É que esse modelo vende muito".  Ela olhou para mim de novo e disse, com um sorrisinho falso, quer experimentar mais uma vez?

Já que eu estava lá e o vestido também, no tamanho certo e tudo, resolvi experimentar. Serviu e ficou bonito, mas de uma forma esquisita, aquele vestido não me servia mais. Vendo que eu estava descontente, a moça chamou a gerente para ver se teria como dar um desconto. Ela saiu e me deixou presa dentro do vestido. 

O vestido, por ser do mostruário estava sujo e batido. Pior que isso, fedia. Pedi para uma outra atendente me ajudar a tirar, porque nessas lojas elas fazem questão de ajudar a colocar e tirar o vestido. Ela disse que não podia e de repente a minha determinação estava toda de volta.

Determinada a tirar o vestido fedido, voltei para o provedor e tirei ele eu mesma. Depois de muito esperar, peguei a minha bolsa, a chave do carro e fui embora sem me despedir ou querer saber de desconto ou até do vestido de brinde. Tchau Vera, foi um prazer te conhecer.




Era fim junho e eu não tinha vestido. To be continued.

12 comentários:

  1. Esse deveria ter sido um episódio de "say yes to the dress" haha Agora sim que eu morrerei de curiosidade pra ver esse vestido! Nós seremos que nem o noivo e só veremos no dia do casamento? Só espero que não seja rosa shock. E essa versão chinesa não poderia ser mais chinesa, nossa o.o, o vestido original é tão lindo, deveria ter tirado uma foto no vestido pra gente! hihi
    Esses "to be continued" são de matar!

    Bjs (imaginando o vestido...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, nem me fala Annita! Vcs vão ter q esperar até o dia do casório sim :P curiosidade master! Fiquei mega feliz com o update! Assim que der um a brecha aqui te respondo com calma. :D yay! E se eu tiver boazinha te mando uma foto minha dentro do vestido da vera! hahaha beijokas

      Excluir
  2. ai ai também estou na saga do vestido hauahauhauha bem, comecei agora a minha saga... kkkk:P
    Espero que vc encontre logo logo seu vestido! :)

    Bjs! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Claudia! Boa sorte rpa vc tbm :D beijao

      Excluir
  3. Lindo , lindo, lindo !!!! Apesar que não existem vestidos de noiva que sejam feios mas esse é a sua cara. Definitivamente !
    Tô muuuuito ansiosa pelo próximo post !
    Bjs
    Lana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada Lana! Proximo post ja ta no forno! Tomara que tu gostes do vestido escolhido tbm! :) beijokas

      Excluir
  4. Se vamos ter que esperar até o casamento para ver o vestido escolhido, posta fotos suas usando os outros que vc experimentou :D Adoro vestidos de noiva! Beijocas

    ResponderExcluir
  5. Q coisa mais linda! Deve ter ficado o máximo em vc!
    Curiosa pra ver o escolhido!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Novembro já ta quase chegando Dona Débora! hahaha Espero não desapontar vcs! beijo querida!

      Excluir
  6. Oi linda, acabei de conhecer seu blog e adorei. Estou seguindo, se quiser me fazer uma visita tbm

    Bjusssssss

    http://chegouaminhavezdecasar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sara, obrigada pela visita. Pode deixar que vou dar uma espiadinha no seu blog :) beijokas

      Excluir